destaque

Fotografar a noite nunca é a primeira ideia do fotógrafo, e nem do fotografado. Mas e você, que está iniciando na Fotografia Profissional, já pensou em se especializar em um nicho diferente e se destacar entre os fotógrafos?

As pessoas fazem books justamente para registrarem seus momentos de vida, de beleza e de emoções. Por vezes, algumas técnicas fotográficas ganham destaque e se tornam desejadas, especialmente para casais de namorados, meninas que fazem books de 15 anos e ensaios pré wedding.

A fotografia noturna é uma destas novidades, mas faltam profissionais que apostem nesta técnica. Ou seja: espaço aberto pra você!

Mas porque a Fotografia Noturna ainda não foi tão explorada?

A razão, talvez seja o fato, de que pensamos em muitas atividades para realizar depois que o sol se põe, mas não percebermos que a noite pode ser cenário para belas e diferenciadas fotografias. Mas a verdade é que, se por um lado as imagens capturadas durante o dia nos remetem delicadeza e sutileza, mesmo as mais ousadas, por outro as fotografias noturnas nos transmitem a sensação de atrevimento, ainda que a cena capturada seja simples e, por vezes, até inocente.destaque

O mistério da noite pode trazer a sensualidade, ousadia e coragem ideal para combinar com a personalidade de muitos fotografados.

Cuidados fundamentais

Para fotografar à noite é preciso que o profissional atente-se a alguns cuidados como fotografar em locais bem iluminados e, de preferência, próximo a postos policiais. Não deixar o carro longe de onde está acontecendo o ensaio, também é importante, afinal, embora seja bela e instigante, a noite também é perigosa, sendo assim, todo cuidado é pouco com a segurança das pessoas que estão trabalhando com você, dos modelos e dos equipamentos.

Em locais que possa haver grande movimentação é importante alertar à modelo para que mantenha a tranquilidade e o foco no ensaio, assim você evita distrações e que o resultado não saia como o esperado. Uma forma de fugir das ruas movimentadas é começar o ensaio após às 23h.

Equipamentos indicados

Se por um lado a criatividade e sensibilidade são fatores chave para produzir imagens diferenciadas e impactantes, por outro, ter equipamentos voltados a esse estilo fotográfico é indispensável. Lentes luminosas como a 50mm F1.4 ou F1.8, 85mm F1/4 e a 70/200mm F2.8 são fundamentais, pois permitem grande entrada de luz e intensos desfoques.

50mm 1.4G – com motor de foco

50mm 1.4G – com motor de foco

Se você é um iniciante e possui uma câmera semi profissional, como uma Nikon D5500 ou Canon T5i com lente 18-55mm, ou ainda uma câmera de transição Nikon D7200 ou Canon 80D, indicamos buscar uma lente 50mm F1.8 ou uma 50mm F1.4 para começar este trabalho. Essas lentes têm bela nitidez, intenso desfoque e produzem resultados encantadores, além do que, por serem lentes fixas, não são tão caras.

Assim como as lentes, ter um flash potente fará toda diferença para você iluminar os cenários noturnos e trazer maior contraste nas imagens. Opte sempre por flashes da mesma marca da sua câmera, pois assim você evitará má comunicação entre flash-câmera.

Em Nikons, indicamos os flashes SB700 e SB910, já nas Canons, busque pelo Speedlite 430 ou o Speedlite 580.

Configurações

Em fotos noturnas, frequentemente, se faz necessário usar o obturador em velocidade mais baixa para trazer maior intensidade de luz, para isso é necessário que você tenha um tripé que suporte o peso da câmera e do flash. É importante você verificar se o tripé aguentará o peso do equipamento, caso contrário a possibilidade de sua câmera cair é grande.

Invista em um tripé de boa qualidade, que permita realizar imagens em vertical e horizontal

Também é importante lembrar que, ao fotografar com velocidades baixas, tudo que estiver em movimento ficará registrado com o efeito de sensação de movimento. Aproveite-se deste efeito e registre o movimento dos carros em contraponto a modelo parada.

Fotografando a noite

Com o equipamento necessário para realizar fotos à noite e com a cabeça cheia de ideias é hora de aliar a criatividade e os equipamentos necessários à técnica. Fotógrafos que optam por ensaios noturnos, precisam dominar sua câmera em modo manual e ter vasto conhecimento sobre iluminação natural e artificial (flash), velocidades de obturador, ISO, balanços de branco e diafragma. Para isso, é importante estudar e praticar, pois só assim os resultados obtidos serão os desejados.

Não é necessário que se realize um Curso específico sobre Fotografia noturna, mas sim que se tenha segurança nos comandos de obturador e diafragma, além de compreensão do aproveitamento da luz em suas diversas camadas.

casal-fotografia-noturna

Imagem da aluna Maíra Santos

O instrutor de Fotografia da Qualificar Brasil, Jean Leandro, costuma dizer que a fotografia noturna requer muita atenção ao ambiente, pois vários detalhes podem incrementar a composição.

As luzes de um farol de carro, a iluminação de uma placa de restaurante, uma vitrine, luzes de festas, reflexos em carros, enfim, tudo pode ser um diferencial que vá destacar a modelo.

O instrutor costuma usar lanternas de led nestes ensaios, pois assim direciona a luz para iluminar o rosto, cabelo ou outro detalhe. Ele também lembra que, após uma pancada de chuva, as ruas ficam com poças d´água, que são rebatedores de luz perfeitos e produzem resultados incríveis.

Neste tipo de fotografia, contar com a ajuda de um auxiliar é muito importante. Além de ajudar na condução dos equipamentos, o auxiliar deve ter conhecimento sobre a importância da luz, para direcionar focos nos locais solicitados pelo fotógrafo.

Produção da modelo

Para que sua fotografada fique bem na foto, prefira maquiagens mais fortes, com olhos bem marcados e um pouco de brilho. Roupas coloridas são interessantes para ganhar destaque em relação ao preto da noite. Sapatos de salto alto trazem a sensação de poder, de força.

Composições

casal-casamento-fotografia-noturna

Imagem do aluno Andreas Ilek

Criar composições em que sua modelo está interagindo com o que está à sua volta instigará a curiosidade do observador para os detalhes do seu trabalho, além de passar uma sensação de conexão entre a modelo e o que está à sua volta. Como se a cidade e a pessoa retratada fossem uma só.

Observe muito bem o ambiente e perceba que há vitrines que geram reflexo e podem ser bem utilizadas. Há espelhos em retrovisores de carros, além da própria lataria do carro que podem gerar efeitos interessantes.

Utilize bancos de praça, corrimões de escadas, paredes de igreja, muros, escadarias, linhas e setas desenhadas no chão, além de fios de calçadas.

As cidades oferecem muitos elementos que podem ser usados para sua composição. Indicamos que você estude o Guia de Composição, produzido pelos instrutores da Qualificar Brasil, para ampliar sua criatividade no uso do cenário.

Ao aliar criatividade, equipamentos e técnica, você obterá resultados únicos e instigantes, assim como a noite.

Ah! E não vamos esquecer da beleza das paisagens noturnas. A cidade pode ser retratada de uma forma toda especial na sombra da noite.

Depois de todos esses cuidados e um belo ensaio produzido, será hora de preparar esse material para mostrar aos seus futuros clientes e assim se posicionar no mercado como um fotógrafo diferenciado.

Bons estudos! Bom trabalho!

Um abraço! Aline Tonini e Equipe Qualificar Brasil Cursos

Share: